sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Coisinhas Verdes III

Tudo bem que a situação da cidade é bastante delicada pois estamos envolvidos com muitos acidentes nesses últimos dias mas o fato é que a cidade também não pode parar por isso.

O dinheiro que foi gasto nas "Coisinhas Verdes" está se perdendo. Vândalos já estão depredando e a própria prefeitura não está cuidando. A "coisinha" que fica na rodoviária está com o vidro quebrado e cheia de barro dentro.

Até quando vamos ter que conviver com nosso dinheiro sendo usado dessa maneira?

Gostaria de saber do pessoal da FUNDARTE se eles desistiram do "ambicioso" projeto turístico.

Acorda gente!!! Acorda Gilca!!! Vai dizer que agora não tem verba pra contratar o pessoal? Qual é o problema?

2 comentários:

Lucíola disse...

Que informações turisticas serão dadas naquelas coisinhas verdes?
Muriaé tem algo de turistico?
Que eu saiba, a única coisa que desperta a curisoidade do povo, são as enchentes, que não são culpa do Zé, mas que ele deixa a cada ano, familias penalizadas pela falta de prevenção e solução.
Quem sabe ele vai abrir a casa dele pra passeio turistico? Pode ser, né? Uma maravilha, diga-se de passagem, meio cafona por fora, mas um luxo. Pode ser que isso aconteça, já que na penultima eleição, ele abriu as portas até pra traficantes, que eram cabos eleitorais.
Olha ai meu povo, a casa da Dinda com visitação pública. Pobre não gosta de pobreza mesmo, vai adorar uma visitinha por lá.
Até agora, por mais que eu procure, a cidade não tem nada de turistico pra ser mostrado. Tem de curioso, as coisinhas verdes, que abrigarão ou cozinharão, meninos do projeto da secretária de ação social. Pobres coitados, sairão de lá com os miolos cozidos e a pele com queimaduras de 3º grau.
Deus nos acuda!

Anônimo disse...

Luciola não é só pra traficante que ele abre as portas não é pra assassino tbm